Continua após a publicidade..
SEO-TécnicoSEO-Técnico

SEO Técnico: As técnicas de SEO vão muito além do que a maioria pensa, ultrapassando os limites tradicionais de palavras-chave e link building. Em um mundo digital cada vez mais complexo, a otimização para motores de busca tornou-se uma arte refinada que se estende às entranhas do código e à estrutura do site. Neste cenário, entra em cena o SEO técnico, um conjunto de práticas que, embora muitas vezes invisíveis aos olhos do usuário comum, desempenham um papel essencial na determinação do sucesso online.

Continua após a publicidade..

O Papel Crucial do SEO Técnico: Construindo o Alicerce Invisível para o Sucesso Online

Quando se trata de otimizar um site para motores de busca, muitos pensam imediatamente em palavras-chave, conteúdo relevante e estratégias de link building. No entanto, há um componente fundamental que muitas vezes passa despercebido, mas que desempenha um papel crucial no desempenho do site nos resultados de pesquisa: o SEO técnico.

RankMaster - Agência de Marketing Digital em Belo Horizonte

O SEO técnico refere-se às práticas de otimização realizadas nos bastidores de um site, nas entranhas do código e na estrutura, a fim de melhorar sua visibilidade para os motores de busca. Essa abordagem vai além das estratégias convencionais de SEO e se concentra em fatores que podem afetar diretamente a capacidade dos motores de busca em rastrear, indexar e classificar o conteúdo de um site.

Agora, considere sete práticas essenciais de SEO técnico que são imperativas para todo profissional de marketing digital ou proprietário de site. Este artigo explorará a fundo cada uma dessas estratégias especializadas, revelando como elas desempenham um papel crucial no aprimoramento da visibilidade online. Da otimização de velocidade do site à criação de URLs amigáveis, mergulharemos nas nuances do SEO técnico, destacando sua importância no cenário digital.

Continua após a publicidade..

7 estratégia de SEO Técnico

1. Otimização de Velocidade do Site:

A velocidade de carregamento de uma página é um fator crítico para a experiência do usuário e, por sua vez, para os motores de busca. Páginas lentas podem levar a altas taxas de rejeição, prejudicando o desempenho do site. O SEO técnico envolve a compressão de imagens, a minimização de códigos e o uso de servidores rápidos para garantir que o site carregue rapidamente.

Exemplo: Compressão de imagens, redução de códigos desnecessários e utilização de um serviço de hospedagem rápido, como o Google Cloud ou Amazon Web Services (AWS), para garantir tempos de carregamento rápidos.

2. Estrutura de URL e Hierarquia:

Continua após a publicidade..

Uma estrutura de URL clara e amigável é essencial para facilitar a navegação e compreensão do conteúdo pelos motores de busca. Incorporar palavras-chave relevantes nas URLs e criar uma hierarquia lógica nas páginas contribui para uma melhor indexação.

Exemplo: Configurar URLs amigáveis que incluam palavras-chave relevantes e sigam uma hierarquia lógica, como “meusite.com/categoria/subcategoria/pagina”.

Continua após a publicidade..

Yoast SEO (para WordPress)

  • O plugin Yoast SEO é amplamente utilizado no WordPress e oferece uma funcionalidade robusta para otimização de SEO. Ele inclui recursos para configurar e personalizar as URLs de maneira amigável, além de fornecer análises de SEO em tempo real.

All in One SEO Pack (para WordPress)

  • Outro plugin popular para WordPress, o All in One SEO Pack, oferece recursos abrangentes de otimização para motores de busca. Ele permite configurar a estrutura de URL, adicionar títulos e descrições meta, e outras configurações cruciais para melhorar a visibilidade nos motores de busca.

3. Sitemaps XML e Robots.txt:

A criação de um sitemap XML permite aos motores de busca entender a estrutura geral do site, enquanto o arquivo robots.txt fornece instruções sobre quais seções do site devem ou não ser rastreadas. Essas práticas ajudam os motores de busca a entenderem e indexarem o conteúdo de forma mais eficiente.

Exemplo: Criar um sitemap XML que liste todas as páginas do site, facilitando a indexação pelos motores de busca. Utilizar o arquivo robots.txt para instruir os bots sobre áreas específicas que podem ou não ser rastreadas.

4. Correção de Erros de Rastreamento:

Erros de rastreamento podem ocorrer devido a redirecionamentos incorretos, links quebrados ou outras questões técnicas. Identificar e corrigir esses erros assegura que os motores de busca possam acessar e indexar todo o conteúdo do site.

Exemplo: Identificar e corrigir redirecionamentos incorretos, links quebrados ou problemas de codificação que possam dificultar o rastreamento eficiente do site pelos motores de busca. Ferramentas como Google Search Console e ubersuggest pode ajudar você a identificar esses links quebrados e reparar.

5. Marcação Estruturada:

A implementação de marcação estruturada, como Schema.org, fornece aos motores de busca informações adicionais sobre o conteúdo do site. Isso pode resultar em rich snippets e uma apresentação mais atraente nos resultados de pesquisa.

Exemplo: Implementar marcações estruturadas do Schema.org para fornecer informações detalhadas sobre eventos, produtos ou avaliações, permitindo aos motores de busca uma compreensão mais profunda do conteúdo.

6. Responsividade e Mobile-Friendly:

Com o aumento do uso de dispositivos móveis, os motores de busca valorizam a responsividade dos sites. Garantir que o site seja amigável para dispositivos móveis não só melhora a experiência do usuário, mas também impacta positivamente o ranking nos motores de busca.

Exemplo: Desenvolver um design responsivo que se adapte automaticamente a diferentes tamanhos de tela, garantindo uma experiência de usuário consistente em dispositivos móveis, tablets e desktops. Você também pode usar um plugin AMP que já faz isso automaticamente.

7. Segurança do Site (HTTPS):

Uma navegação segura é uma prioridade para os motores de busca. A implementação do protocolo HTTPS não apenas protege os dados dos usuários, mas também é considerada um fator de classificação.

Exemplo: Adotar o protocolo HTTPS para criptografar a comunicação entre o navegador do usuário e o servidor, protegendo informações sensíveis e ganhando a confiança dos motores de busca em relação à segurança do site. A maioria das empresas de hospedagem oferece isso automaticamente, mais se a sua não oferecer você pode procurar uma que melhor te atende.

Em resumo, o SEO técnico é o alicerce invisível que sustenta o sucesso de um site nos resultados de busca. Ignorar esses aspectos pode resultar em um desempenho aquém do potencial máximo. Ao investir tempo e recursos no SEO técnico, os profissionais de marketing digital e proprietários de sites podem garantir que seus esforços de otimização se traduzam em uma presença online mais robusta e visível.

Compartilhar

By Bruno Alves

Especialista em Marketing digital e Neuromarketing.

0 0 votos
Avaliar artigo
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários